08/02/2017 17:02

Menino morre após castigo por fazer xixi na cama

Um menino de apenas cinco anos foi encontrado morto em Aire-sur-la-Lys, no norte da França, após um castigo por ter feito xixi na cama. O caso ocorreu na madrugada da última segunda-feira (6), quando seu corpo foi encontrado pelos bombeiros a 10 minutos do centro da cidade, ao lado do canal La Lys. O padrasto da criança, Julien, de 30 anos, admitiu que fez a criança correr por alguns quilômetros em plena madrugada de inverno, vestido apenas de cueca e meias.

A punição foi dada após Yanis, que caiu diversas vezes durante o percurso, ter feito xixi na cama. Contudo, a autópsia revelou que a morte foi causada por “traumatismo craniano” e constatou diversos hematomas na cabeça do menino.

Não mostraram arrependimento

As lesões foram provocadas por “violências voluntárias” e, segundo o exame, não podem ser explicadas por “simples quedas de criança”. Quando o socorro chegou, Yanis estava inconsciente, com o rosto inchado e a cueca ainda molhada.

Tanto o padrasto quanto a mãe do menino, Emilie, que tem 23 anos, já foram detidos. Julien responde por homicídio e violência dolosos, quando há intenção de matar, e pode ser condenado à prisão perpétua. Já sua companheira é acusada de “abstenção voluntária de impedir um crime ou delito” e arrisca pegar cinco anos de cadeia.

Nas primeiras declarações à polícia, eles não mostraram arrependimento e nem pareciam ter consciência do que fizeram. O pai do menino criou uma página no Facebook para arrecadar fundos para o funeral e preservar sua memória. “Yanis, nossa estrela, partiu muito cedo, em 6 de fevereiro de 2017, do alto de seus cinco pequenos invernos. Paz à tua alma, meu príncipe”, diz a descrição.

 

Band