31/01/2017 11:01

Ex-vereador Júlio César se entrega à polícia nesta manhã

1505- julio 00066[1] RECORTENa manhã desta terça-feira, o ex-vereador Júlio César Leme da Silva, se apresentou de forma espontânea na 15ª Subdivisão Policial (SDP), de Cascavel. O mandado de prisão foi aberto pela 3ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná desde o dia 26 de janeiro.

Ele foi denunciado pelo Ministério Público por crime de peculato, entre 2007 e 2008 quando era presidente da Câmara de Vereadores.

Segundo informações, o ex-vereador teria recebido uma quantia de R$ 47.700 mil, ou seja mais de R$ 2.300 por mês, como verba por ocupar a presidênica da casa, benefício que segundo o Ministério Público, estava proibido. Isso implica em uma pena de cinco anos em regime semiaberto.

O advogado de Júlio emitiu uma nota, confira:

“O Sr. Júlio Cesar Leme da Silva, por intermédio de seus advogados, Adilson Ricardo Martins OAB 7432 e Ciro Largo Junior OAB 64.709, vem informar que na data de hoje (31), tomando conhecimento do mandado de prisão, apresentou-se espontaneamente à autoridade judiciária para dar início ao cumprimento da pena imposta.

Informa ainda que, prestará maiores informações em momento oportuno, mas adianta que passados os trâmites iniciais da execução de sua pena, comprovará sua inocência em recurso de revisão criminal.”

Redação